Poema Visual

Você já ouviu falar em poema visual? Pode ser que não, mas com certeza você já deve ter se deparado com um deles durante a sua vida.

Há diversas abordagens diferentes para expressar sentimentos e ideias e isso pode ser claramente percebido nas mais diversas classificações literárias que damos aos textos.

Cada uma dessas abordagens utiliza métodos diferentes para atrair a atenção do público a um ou mais assuntos em particular, e o poema visual tem a sua própria maneira de fazer isso.

O poema visual veio para romper padrões e despertar interesses no público que antes poderiam não existir. Confira o que é um poema visual e sua importância no cenário artístico na busca de uma maneira diferente de apresentar um texto.

Poema Visual

Você pode até não saber o que é um poema visual, mas com certeza sabe o que é um poema. O gênero textual é altamente trabalhado nas salas de aulas de todas as séries nas escolas do país.

Somos uma nação que valoriza muito os poetas nacionais. É muito difícil encontrar uma alma sequer que não tenha ouvido falar de Carlos Drummond de Andrade, Manuel Bandeira, Gonçalves Dias ou o romântico Vinicius de Moraes.

Mas, apesar de termos muito orgulho de ter dado origem aos mais belos poetas de todos os tempos, ainda há muitos de nós que torcem o nariz quando o assunto é poema.

A razão primordial é a de que o gênero textual pode ser difícil de entender – e ainda mais difícil de produzir. Apesar de não ser tão extenso (em sua grande maioria) e ser composto apenas de estrofes e versos, os poemas ainda são um mistério para muitas pessoas.

Mas você sabia que existe um tipo de poema que transmite suas ideias através de elementos visuais? É o caso do poema visual, que busca explorar e até combinar os recursos visuais com outros tipos de manifestação artística.

Ao contrário do formato tradicional dos poemas, o poema visual brinca com as formas geométricas, os desenhos e as palavras para relacionar os elementos visuais com a ideia que se deseja passar, fazendo com que esse tipo de poema seja muito mais inclusivo, segundo alguns estudiosos.

poema visual

O que é Poema Visual

O poema visual é a expressão artística onde as ideias são organizadas de maneira visual para passar uma mensagem.

Sabemos que a intenção do poema é transmitir uma ideia ou sentimento e que, independente da forma como essa ideia é apresentada, o objetivo principal ainda é o mesmo.

Então o maior objetivo do poema visual é trazer uma maneira diferente que capte a atenção do leitor de forma visual, ao contrário da forma de seu antecessor original, disponibilizado em versos e estrofes.

Mas isso é suficiente para transmitir com eficácia o que se deseja passar? Claro que sim! Se os elementos forem organizados de maneira pensada, não há nenhum empecilho para que ele não passe uma mensagem importante, mesmo que seja privado de elementos verbais.

Importância do Poema Visual

Ao longo de nossas vidas percebemos – e como percebemos – que as pessoas ao nosso redor são diferentes em diversos aspectos

Uma dessas diferenças é a forma de se expressar. Existem pessoas que transmitem seus sentimentos e ideias através de desenhos, outras que preferem a música. Há aqueles que têm uma habilidade gigantesca na escrita, outros que preferem se expressar através da fotografia.

Isso não significa que uma forma de expressão seja mais ou menos inferior que as outras. Só significa que o mundo é composto de pluralidade – e entender isso é o primeiro passo para valorizar os diversos tipos de expressão artística.

O poema visual dá a oportunidade ao poeta de captar a atenção do leitor com apenas um olhar. Geralmente a disposição dos elementos visuais tem a ver com a mensagem a ser passada.

Isso abre as portas para maravilhosas apresentações poéticas e isso é importante porque pode atrair até mesmo aqueles desinteressados, que não conseguiam se interessar pela poesia tradicional.

Exemplos de Poema Visual

Temos diversos exemplos de poema visual no Brasil, mas estima-se que o primeiro poema visual seja de Símias de Rodes, chamado “O ovo”, datado de 325 a.C.

o ovo Simias rode

Bem antigo, não é mesmo? Apesar disso, houve certa relutância em aceitar os poemas visuais, já que eles são muito diferentes dos poemas tradicionais e alguns escritores preferem manter sua forma original.

Os maiores exemplos de poemas visuais no Brasil são de Arnaldo Antunes e Augusto de Campos. A primeira sensação que seus poemas nos dão ao encará-los pela primeira vez é a vontade de decifrá-los e entender por que seus elementos estão dispostos de tal maneira.

Os poemas visuais provocam nossas consciências e nos desafiam com mensagens rápidas e poderosas.

Poesia visual
Foto: Poetasoffline
poema visual colorido
Foto: Literatura

Como fazer um Poema Visual

Os poemas visuais podem ser uma ótima maneira de expressar suas opiniões de uma maneira divertida e criativa.

Além disso, é uma ideia muito interessante para despertar o lado artístico de alunos em sala de aula, incentivando-os a mostrar o que sentem e pensam.

A primeira dica para fazer um poema visual é observar alguns exemplos de poetas visuais famosos e entender qual a finalidade de cada um deles.

A ideia primordial deve ser transmitir uma mensagem que possa ser captada através de aspectos visuais, então o segundo passo é escolher um tema apropriado para trabalhar, questionando-se sobre as seguintes coisas:

  • Quem é o público que eu quero atingir e qual a melhor maneira de fazê-lo?
  • Qual é o assunto que eu quero abordar no meu poema visual? Ele carregará uma crítica social, será algo romântico ou será baseado em uma experiência pessoal?
  • Qual é a melhor forma de organizar elementos visuais para que ele faça sentido para o público?

Depois de escolher o tema, organize os elementos de seu poema. Por exemplo: se seu poema é sobre flores, que tal organizar as palavras em formato de flor? Se fala sobre o amor, por que não organizar as palavras em um coração?

Quando o poema visual estiver pronto, é hora de compartilhá-lo com alguém para ver se faz sentido não somente para você, e sim para as outras pessoas também.

Caso o leitor ache confuso ou não entenda a ideia transmitida, nada lhe impede de aprimorar o seu poema visual até que ele esteja bom.

Agora que você já sabe fazer um poema visual, que tal mostrar seu lado artístico e expressar as ideias que você sempre quis dizer, mas não sabia como?

Veja o vídeo para entender melhor, feito na disciplina de Poesia e Canção do curso de Letras da Universidade Feevale, com o professor Me. Leandro Miranda:

Poema Visual
Avalie essa matéria

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *