Verbos de Ligação: Frases e Exemplos

Os verbos de ligação são responsáveis por fazer a ligação entre um sujeito e suas características.  Eles exprimem um estado ou mudança de estado.

É muito importante que compreendamos questões gramaticais, visto que vivemos em uma sociedade com cada vez mais acesso a informação e com altas taxas de competitividade.

Os verbos de ligação, assim como diversas outras classificações de palavras da nossa língua portuguesa, são essenciais para as construções de frases.

É importante que saibamos identificá-los e usá-los de maneira correta.

No texto de hoje falaremos sobre as funções dos verbos de ligação, o que são, quais são e outros assuntos pertinentes ao tema. Também iremos dar exemplos de frases que contenham verbos de ligação e onde estão.

Verbos de Ligação

Os verbos formam a categoria de palavras responsáveis por indicar uma ação, um movimento, um estado ou um fenômeno.

Eles podem se flexionar em modo (subjuntivo, imperativo e indicativo), tempo (pretérito, presente e futuro), número (singular e plural), pessoa (singular e plural) e voz (reflexiva, ativa e passiva).

Os verbos de ligação são uma categoria de verbos que representam um estado ou mudança de estado. Não indicam ação como os verbos andar, correr, pular, gritar e cozinhar.

Nos verbos que indicam ação como é o caso do verbo “andar”, podemos dizer que “o menino andou”, por exemplo. Nesse caso, o sujeito praticou uma ação.

No caso dos verbos de ligação, isso não acontece. Quando houver um verbo de ligação na oração, o sujeito nunca praticará ou sofrerá quaisquer ação, diferenciando-os dos verbos intransitivos e transitivos.

Agora, um segundo exemplo: “o menino anda feliz da vida desde que sua mãe lhe deu um videogame”. Nesse caso, o verbo não é intransitivo, nem transitivo e sim um verbo de ligação. Perceba que o menino, que é o sujeito, não praticou ou sofreu uma ação. O verbo anda exprime o estado do garoto: o de estar feliz.

Outro exemplo de verbo de ligação está na frase: “a menina é brasileira”. Podemos perceber que o sujeito (menina) não sofreu nem praticou uma ação. Apenas representou um estado/característica da menina: ela ser brasileira.

Exemplos de verbos de ligação

exemplos de verbos de ligacao

Diz-se que uma maneira muito interessante e eficaz de aprender sobre alguma coisa é observando exemplos acerca do assunto tratado.

Por conta disso, apresentaremos uma lista de exemplos de verbos de ligação seguidos de frases onde ele é utilizado.

  • Estou

Exemplo: Estou tremendamente brava com Francisco!

  • Sou

Exemplo: Sou uma pessoa muito divertida e carismática

  • É

Exemplo: Lídia é uma mulher que vive na Europa.

  • Parecer

Exemplo: Ela parece ser uma mulher muito inteligente.

  • Ficar

Exemplo: Fico pensando se existe vida fora do planeta Terra…

  • Permanecer

Exemplo: Permaneço intrigado acerca daquele episódio envolvendo Carlos.

  • Tornar

Exemplo: Tornou-se da noite para o dia uma pessoa completamente diferente.

  • Continuar

Exemplo: Apesar do pequeno incidente, o baile continuou seguindo como planejado.

Quais são os verbos de ligação?

Os verbos de ligação podem se classificar em:

  • Estado Circunstancial

Exemplos:

Estou cansada porque andei o dia todo carregando tralhas!

Desde que parou de fazer exercícios, você está muito preguiçosa.

  • Estado Permanente

Exemplos:

Fabrício é japonês naturalizado brasileiro.

Ana é alta.

  • Mudança de Estado

Exemplos:

Desde que voltou do exterior, João tornou-se uma pessoa bem mais calma.

Depois de tudo que fez para se tornar um jogador de futebol, virou uma estrela de cinema.

  • Continuidade do Estado

Exemplos:

Ele continua sofrendo por conta dela.

Ela permaneceu parada no ponto de ônibus desde de manhã.

Verbo de ligação e predicativo do sujeito

O predicativo do sujeito é configurado como o termo de uma oração que caracteriza e complementa o sujeito da frase.

Ela atribui uma qualidade ou propriedade a um sujeito. Ele aparece juntamente ao verbo de ligação nas orações.

Para identificá-lo nas mais diversas orações, procure pelo pronome, substantivo, numeral, adjetivo ou uma oração substantiva predicativa.

Na frase: “Maria é alegre”, o predicativo do sujeito é a palavra alegre. Isso se deve ao fato de “alegre” ser a palavra que caracteriza o sujeito, no caso, a Maria.

Frases com Verbo de Ligação

Apresentaremos a seguir diversos exemplos de frases com verbos de ligação:

Sou um ajudante nessa obra.

Estou triste por não estar com você.

Minha irmã anda calada desde que nos mudamos para cá.

O paciente encontra-se em estado grave.

Amanda ficou triste com o desaparecimento de seu cão, mas já está feliz porque o encontrou.

Vanessa permanece estudando naquela escola.

Alice continua maltratando suas amigas e, portanto, ninguém quer mais falar com ela.

Você anda preocupado sem razões. Não há nada com o que se preocupar.

Quando você lê você aprende, tornando-se uma pessoa cada vez mais inteligente.

Pare de me importunar. Você é uma criança mimada.

Você parece triste. Aconteceu algo que você não me contou?

Você não me dá escolha! Sou obrigado a te dar uma lição.

Verbos de ligação em inglês

Os verbos de ligação apresentados nesse texto também existem em inglês: são chamados de linking verbs.

O mais famoso dos linking verbs é o be. É um dos assuntos mais comentados nas aulas de inglês.

Além dele existem outros, como seem, smell, look, become, taste, entre outros. Um exemplo com taste é “The pizza tastes delicious.”

Mas já que o be é o mais utilizado, vamos aprender a maneira correta de dizer sou/estou em inglês.

I am (I’m) – Eu sou ou eu estou

You are (You’re) – Você é ou você está

She is (She’s) – Ela é ou ela está

He is (He’s) – Ele é ou ele está

It is (It’s) – Ele(a) é ou ele(a) está

We are (We’re) – Nós somos ou nós estamos

You are (You’re) – Vocês são ou vocês estão

They are (They’re) – Eles(as) são ou eles(as) estão

Dicas para aprender as diversas regras gramaticais

Como sabemos, é imprescindível escrever e falar bem nos dias de hoje. Para aprender todas as regras gramaticais, inclusive a dos verbos de ligação, é essencial:

  • Fazer exercícios para facilitar o entendimento.
  • Ler textos de diversos gêneros sempre que puder.
  • Exercitar a arte da escrita sempre que houver uma oportunidade.
  • Tirar as dúvidas com um professor ou através da internet.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *